China nega entrada de navio de guerra alemão no porto, diz Berlim

A China negou a entrada de um navio de guerra alemão em um porto local, disse um porta-voz do Ministério das Relações Exteriores alemão na quarta-feira. O navio envolvido é a fragata 'Bayern', disse o porta-voz em uma coletiva de imprensa, mas não identificou o porto chinês.


Imagem representativa Crédito de imagem: ANI
  • País:
  • China

China negou um alemão entrada do navio de guerra em um porto local, um alemão porta-voz do Ministério das Relações Exteriores disse na quarta-feira.

O navio envolvido na fragata 'Bayern', o porta-voz disse em uma coletiva de imprensa, mas não identificou o navio chinês Porto. O navio zarpou da Alemanha no mês passado para uma missão de seis meses ao Sul China Mar. 'A China decidiu que não quer uma visita ao porto e tomamos conhecimento disso', disse o porta-voz.

Os ministérios da defesa e do exterior da China não responderam imediatamente ao pedido de comentários na noite de quarta-feira em Pequim. reivindica faixas do sul China Mar e estabeleceu postos avançados militares em ilhas artificiais nas águas que contêm campos de gás e pesca rica, mas as reivindicações territoriais são contestadas por alguns ocidentais nações.



Berlim deixou claro que a missão do Bayern serve para enfatizar o fato da Alemanha não aceita as afirmações da China, embora as autoridades tenham dito que o alemão marinha vai aderir a rotas comerciais comuns.

(Esta história não foi editada pela equipe do Top News e é gerada automaticamente a partir de um feed distribuído.)